Coisas que causam ruído em uma foto: o ISO

18:23:00

Como hoje em dia temos mais câmeras sendo vendidas, com a facilidade decorrente da era digital, a internet e as redes sociais ficam repletas de fotografias. Então, começamos a ver coisas que antes não tínhamos acesso, como fotos com ruído ou grão. Elas sempre existiram, desde a época do filme, e há vários fatores que causam este efeito. Vou falar hoje sobre o ISO.

Não vou explicar detalhadamente o que é o ISO, já que é assunto de um curso de fotografia mais complexo. O que é necessário saber: ISO baixo permite a entrada de pouca luz e gera pouco grão. ISO alto permite a entrada de muita luz e gera muito grão.

Qual a diferença?

Bom, veja abaixo fotografias do espetáculo O Calvário:

O_Calvario-Fernanda_Eggers-0692013

Maria

 

Esta são fotos granuladas. Foram feitas com ISO alto, porque eu estava em uma situação de pouca luz e eu não podia usar flash. Imagina: meter uma luz branca e acabar com a iluminação que foi estudada para esta peça?

Agora veja as fotos a seguir:

Aniversário de Maria Clara e Maria Eduarda

Rodrigo em estúdio

 

A primeira foto é de uma festa de aniversário. Foi feita de noite, em ambiente fechado e com flash. A segunda foi uma brincadeira com um amigo bateirista, utilizando luzes de estúdio. Qual a diferença em relação às primeiras? Nessas situações eu trabalho com luz artificial e controlada, portanto posso utilizar ISO baixo e não ter grão nas minhas fotos.

O grão não é algo ruim, é um efeito estético. Em algumas situações, é impossível fugir dele. Em outras, ele é desejável, pois dá um tom poético ou fotojornalístico na foto.

Antigamente o ISO era decidido na hora da compra do filme e o mais vendido para o usuário comum, se não me engano, era o ISO 400, que encarava situações de luz variadas. Atualmente, escolhemos o recurso nas próprias câmeras fotográficas, caso elas permitam. Aqui tem um texto mais detalhado sobre diferenças de câmeras.

You Might Also Like

0 comentários

Curta no Facebook

500px